Feira erótica agita Rio

* Bento Oliveira e Talita Cruz

Pela primeira vez, uma feira erótica aconteceu no Rio de Janeiro. Programada anteriormente para o mês de abril, na Gávea, foi cancelada porque o local foi considerado inapropriado, em função da freqüência de menores de idade. Aparadas as arestas, a organização do evento decidiu lançar a Feira no Clube Monte Líbano entre os dias 28 e 31 de Outubro. Cariocas e pessoas de outros municípios e estados compareceram à feira para se inteirar das novidades no universo do erotismo. Além de palestras com médicos, sexólogos e escritores, estandes com vendas de produtos eróticos importados da China, Estados Unidos e países da América do Sul faziam sucesso com novidades: eram lingeries eróticas, com gel, brinquedos para adultos, entre outras. As cabines de estripper tinham olho mágico, por onde viam o show de dança, com direito à entrar num local reservado e ver de perto, por detrás de uma parede de vidro o casal de dançarinos ou um deles.

Serviços de massagem sensual também eram oferecidos por profissionais especializadas. O evento funcionou das 14 às 22 horas com ingresso a 50 reais a inteira. Estudantes tiveram benefício da meia-entrada.

*Bento Oliveira e Talita Cruz, estudantes de Jornalismo Online da UniverCidade.

Anúncios